domingo, 16 de novembro de 2014

Pensamento do dia

Aprendi a não sentir saudades de nada nem de ninguém. Lembrar dos bons momentos faz bem, mas ser saudosista é ancorar em sentimentos e situações que não voltam. Saudade traz uma dor e uma dúvida: "e se eu não tivesse seguido por este caminho? "
Eu, ao contrário, não me importo com o que deixou de ser. Vivo o que sou, na plenitude do agora. Afinal esse é o único tempo que interessa viver. O que se foi às vezes não serve nem como lembrança.

Nenhum comentário:

Postar um comentário