sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Amargura

Engraçado como tenho ouvido a frase "aproveita, porque depois que cresce tudo muda"
É mais que um conselho. É quase um decreto. É como se essas mulheres tivessem se frustrassem com o restado da educação que deram aos filhos e realmente desejassem que outras mães se frustram também.
Eu trouxe Malu várias vezes pro trabalho e todos percebem nosso relacionamento. Somos amigas. Eu e ela temos momentos ruins, mas normalmente estamos de acordo. Ela me compreende. Eu a compreendo.
Então tem sempre alguem dizendo: isso muda. Quando adolescente ela vai te odiar.
E eu não entendo porque as pessoas insistem em dizer coisas desse tipo, ao invés de desejarem felicidades às familias.
Eu tenho conscinencia que estou criando um ser humano que pode vir a ter opiniões totalmente diferentes das minhas. Porém pretendo fazer com minhas filhas o mesmo que meus pais fizeram comigo. Eu tenho 35 anos e tenho muito respeito pelos meus pais.
Trocando em miúdos: respeito meus pais e sei que minhas filhas irão me respeitar.
Discordar é natural. Mas o que essas pessoas dizem é como se fosse um desejo de que dê errado pra mim tanto quanto deu errado para elas.
Isso é amargura. Infelicidade. Frustração.
E eu lamento por elas, mas vou cuidar direitinho da minha vida pra que tudo seja como eu sonhei.

Nenhum comentário:

Postar um comentário