sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Black friday (????)

Preciso abrir meu coração... hoje é Black Friday (ao menos nos EUA é) e tenho recebido uma verdadeira enxurrada de e-mails com "promoções" absurdas...
Olha isso... as lojas Renner me aparecem com uma camisa de R$99 por R$49... ok, super desconto seria, caso não fosse uma simples queima de estoque.
O único tamanho disponível é G e a única cor BRANCA!
Se não tem diversidade de cores e tamanhos, não é Black Friday. É queima de estoque, porque afinal só tem aquela peça no estoque e eles precisam vender. É como vender peça de mostruário "no estado"...

Outro exemplo: as Lojas Americanas estão vendendo um HD externo de 1TB por R$ 314,90 ou com 12% de desconto à vista, sai por R$ 277,11 ... bom né? Só que comprei esse mesmo HD no dia  04/11 nas mesmas Lojas Americanas por R$ 249,90.

(vou achar a NF e colocar aqui)

Até quando a gente vai ser feito de palhaço pelo comércio?

Isso sim é o que eu chamo de Black-Fraude.

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Jessica Rabit

Eu tenho um biotipo "Jéssica Rabit"... e não, definitivamente não me orgulho disso.
Até porque um jeitão sexy da ruiva exige uma auto-confiança e sensualidade que eu não consigo ter.
Sou moleque, sou mocinha... mas jamais mulherão.
Tenho até medo de usar roupas mais elegantes e virar centro das atenções... e nem estou falando de decotes como os dessa imagem...

Meu peito ocupa 1m de circunferência do meu corpo.
Muita coisa.
São 100 centímetros!
E eu queria muito, muito emagrecer pra ver se esse peito diminui...
Eu queria ter, no máximo 90 cm... pronto, já é peitão, pra que mais?
Se eu emagrecer e ficar seca da cintura pra baixo e continuar com seios grandes? (ENORMES!!)
...
Será??

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Hoje foi assim

Consegui correr só 2km em 17 minutos,  levantei 10kg em 3 séries de 30 e alonguei na bola de pilates.  Não foi bom, mas eu tinha ortopedista às 9:00 e não queria chegar lá sentindo dores.
Meu médico é um Gaaaato e um fofo, as me deu uma bronquinha básica e me pediu pra fazer hidroginástica (eca)...
O caso é que estou com inflamação no quadril e preciso dw exercício com moderação.
Aliás ele também disse pra eu fazer pilates.
E amanhã tem RPG.

domingo, 24 de novembro de 2013

Dias parada

Sei que estou em dívida com você,  mas eu tenho uma justificativa.
No domingo e segunda eu corri bastante e levantei alguns pesos... sem acompanhamento adequado.  Daí na terça meus joelhos reclamaram.  Fui na fisioterapia e levei uma bronca. 
A boa notícia é que aprendi a lição e depois de 1 semana de molho hoje a noite volto a treinar.
Ah, mas não só de lamentações é feito esse blog .
Hoje comprei a revista Women's Health edição de aniversário. 
Adorei tudo nela, desde as matérias de treinos até o especial de beleza. E como este blog foi criado com o intuito de melhorar a saúde,  aparência e auto-estima achei super válido falar de uma matéria em especial.
"Os 50 melhores produtos de beleza por menos de R$50".
Vou colocar fotinhos aqui, mas super recomendo comprarem a revista.
Preço R$13.

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Um pouco todo dia.

Ontem foi domingo, mas mesmo assim não me dei folga.
Desci pra academia do prédio e experimentei um aparelho novo (pelo menos pra mim) que me permite levantar peso tanto com as mãos quanto com os pés trabalhando vários músculos num mesmo aparelho (me perdoem, ainda não aprendi os nomes dos músculos).
O aparelho é esse aqui, só que é da Movement (não achei a foto certa)

Enfim, corri 20 minutos na esteira e fui eu experimentar essa máquina fantástica. Comecei levantando 10kg, mas logo aumentei a carga para 20kg. Fiz 30 vezes braços e mais 30 vezes pernas. Saí de lá pingando bicas, mas feliz comigo mesma.
Hoje voltei pra esteira. Mais 2 km (mais ou menos 21 minutos). Mas eu sinto que já posso correr mais. Infelizmente estou no meio do expediente, usando a academia da empresa e não dá pra abusar né?

Achei essa imagem na internet (hoje não tem Inslee, mas não chore) que mostra alguns dos músculos que eu acredito ter exercitado ontem.
Acho que ontem fiz bíceps, tríceps e quadriceps.
As coxas doem, mas os braços estão indo bem.

Enfim, por hoje é só... amanhã tem RPG.
Fui.

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Meta concluída

Corri 5 km hoje!!!
E não foi só isso, ainda fiz musculação, abdominal... eu to me sentindo o máximo!!!
Quando a empolgação passar eu escrevo melhor... uhu!! To me sentindo super!!

quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Desafios e Desafetos

Ontem aconteceram duas coisas opostas. Uma ótima e uma chata.
A ótima é que consegui ultrapassar os 2,5 k... estou tão, tão satisfeita! Nesse ritmo eu acho que consigo fazer 5k ainda este ano #tomara
A chata é que um cara que é amigo de um amigo meu, me adicionou no facebook, mas ele realmente não sabia quem eu era e começou a puxar papo.
Em determinado momento eu disse que era amiga do amigo dele e ele disse que o cara não era boa referência de nada. Levei na brincadeira e acrescentei um defeito ao amigo, mas disse que era perdoável.

Daí não sei o que o cara pensou, só sei que começou uma verdadeira inquisição comigo.
Uma das coisas que ele me disse foi que é muito cômodo fazer o que quiser, por mais terrível que fosse, e ser perdoado.
Peraí, não foi isso o que eu disse. Eu disse que os defeitos são perdoáveis. Defeitos não são atitudes. Defeitos são pontos negativos dentro de cada um de nós, mas não significa que somos os nossos defeitos ou nossas qualidades, apenas estão ali.
Em outras palavras (e eu não disse isso a ele porque ele me irritou e eu saí do chat), todo defeito é perdoável, sim. Se você é chato, se você torce pro Palmeiras, se você gosta de roer as unhas... agora, roubar, matar, isso são atitudes que são condenáveis, inclusive pelas nossas leis.
Então, amigo do meu amigo, eu tiro uma lição desse nosso diálogo sem pé nem cabeça: eu sou assim. E vou perdoar sua chatice, assim que a raiva passar. Você não precisa gostar de mim, nem concordar comigo. Só, por favor, não me procure mais no chat para me irritar.


segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Dor.

Não descobri ainda a sensação de terminar um ironman, mas a de terminar 5k eu descobri ontem.
Dói.

Deus do Céu, minha bunda dói, minhas coxas dóem... até minha panturrilha dói (e eu nem sabia que dava pra sentir dor ali)
Dormir é um inferno! Não tem posição possível pra ficar sem que alguma parte "reclame".
Mas vamos, né... para o alto e avante!

3 dias parada

Depois de correr 3 dias seguidos, fiz 3 dias de pausas.
Não faça isso. Não é correto nem correr 3 dias seguidos,  nem parar por 3 dias.
Aprendi com um amigo que deve-se manter os exercícios de modo alternado, ou seja, se você correr num dia, faça bike no outro, ou musculação (o que é excelente pra fortalecer e parar de sentir dor ao correr). Até passear com cachorro serve, só não fique parado, nem exagere nos treinos.
Mas minha pausa não foi por preguiça... pelo contrário. Sabe que eu até senti NECESSIDADE de correr? Acho que to me viciando nisso.
Hoje vou correr na esteira. Amanhã quero tentar bike. Musculação só com acompanhamento, por que sozinho você pode fazer bobagem.
E lá vamos nós, pra mais uma semana abençoada!
Ah, e tem feriado na sexta!

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

No pain, no gain

Eu quero saber quem foi o cretino que disse isso.

Cara, dói demais... as coxas dóem demais...nem sinto os pés (será que ainda estão lá?)
Mas eu vou denovo hoje... preciso me obrigar a gostar disso.
PRECISO GOSTAR DISSO pra não me importar com dor.
Minha bunda dói... =(
Deixa eu contar... eu tenho tendinite glútea (sim, tendinite na bunda), mas também pode ser chamada de tendinite no quadril, pois a culpa da tendinite é o esforço/peso que faço de um lado só do corpo (como colocar minha filha de 4 anos e 17 kg sentada no meu quadril enquanto faço minhas coisinhas em casa, no mercado, no shopping... claro que ela pode andar, mas ás vezes uma criança de 4 anos dorme, fica carente, é quase um bebê, só que maior).
Enfim, por motivos diversos acabei desenvolvendo tendinite nesse local. Isso é um inferno, causa uma dor horrenda desde a bunda até o calcanhar e, por isso, correr é tão sofrido.
Daí eu, toda serelepe, coloquei no facebook sobre esse desafio e logo vieram os comentários. Tem quem elogie, quem incentiva e - claro - os espíritos de porco que acham que você está fazendo pouco  e que são infinitamente melhores que você.
Por exemplo, hoje corri 2.2 km em 20 minutos, no meio do meu horário de almoço... de verdade, to me achando o máximo! Mas logo apareceu alguém dizendo que correu o dobro (sem mencionar o tempo gasto e desconsiderando totalmente o fato de eu ter esse "problema" com dor)... aquele comentário soou como se fosse uma competição.
Fiquei indignada!
Gente, não quero competir com ninguém. Só quero cuidar da minha saúde. Não consigo correr nem 3km porque sinto dor. DOR.
Então, por que você corre, Mari?
Porque eu PRECISO vencer a dor, as limitações físicas e, principalmente, parar de tomar tantos analgésicos. Porque eu tenho uma filha de 4 anos que precisa de mim, que precisa ver nos pais um exemplo a ser seguido. Eu quero ser saudável, sem dor, sem medicação.
Não quero sacrificar meu fígado, entendeu?
Então, sério, quem estiver a fim de me humilhar dizendo que correu mais, ou quem quiser competir, vai procurar outra criatura, porque esta aqui não está afim de ser provocada/desafiada. Só quero ficar saudável.

imagem: Inslee
informações sobre tendinite: http://www.tuasaude.com/tendinite/

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Depois do treino... treino? Não chegou nem perto.


Corri só 2 km.. mas com 700 metros (juro) minha bunda já doía... cara, não é fácil, não.
Tá doendo mesmo!
Mas também, na rua, com pedrinhas chatas e desnível de piso... a prefeitura devia dar um jeito nisso! 
Sem contar a panturrilha que, vamos combinar, nem devia existir, quiçá doer.
E tava chovendo... acho que só perdi umas 30 calorias e ainda ganhei um resfriado.
Desse jeito não vou virar a garota do Fantástico =(

Eu queria começar com, pelo menos 5km... lógico que não vou correr 42 em 1 dia, mas poxa... 2 é ruim demais. 
Nesse ritmo só vou notar alguma diferença em meados de 2016... se correr todo dia, né? Porque se treinar 2x por semana, só vou ver resultados aos 75 anos de idade.
De noite vou subir escadas... não te contei? Subo as escadas do prédio quando to nervosa. O que é quase todo dia (que fico nervosa, não que subo escadas).
Subo e desço uns dez andares cada vez. Se não me acalma, subo denovo. Esbaforida e dando glórias por existir corrimão. Acho que faço isso mais pra manter a sanidade mental que o corpo em forma.

Primeira tentativa

Ontem, depois do meu "ataque" resolvi me exercitar.
Desci na academia do prédio e tava lotada... aparentemente todos os moradores resolveram ter a mesma ideia que eu... voltei pra casa, frustrada e mais irritada ainda. Tentei deitar, ler, ver tv... nada me acalmava.
Coloquei o tênis e fiz o improvável. Subi e desci as escadarias do prédio. Dez andares, duas vezes.
Fiquei com as pernas bambas, afinal não estou acostumada, mas pelo menos fiquei mais calma.
Hoje trouxe roupa de ginástica pro trabalho.
Detesto academias. Mulheres nuas desfilando pelo vestiário, aquela música infernal tocando enquanto um professor grita frases "motivacionais" e todo mundo fazendo a mesma coisa, como um bando de robôs... chaaaato.


Mas quero tentar correr. Tem uma pista aqui fora. Tá um vento frio e cara de chuva, mas eu vou mesmo assim.
Espero me apaixonar por essa atividade e repeti-la todos os dias.
Bom, pelo menos eu quero isso.
Só falta pôr em prática.
Amanhã eu conto como foi (ou se foi).

*imagem: Inslee

terça-feira, 5 de novembro de 2013

um dia estranho...

Tem dias que me sinto assim, tão sozinha e com tanta vontade de um colo, que acabo fazendo bobagem.
Escrevo e-mails ou mando mensagens tentando chamar atenção e me arrependo no mesmo instante em que clico em "enviar".
Tem acontecido muito, ultimamente. E eu nem sei dizer porque.
Eu sou feliz. Tenho casa, emprego, família. Saúde.
Não é infelicidade o que eu sinto. É apenas melancolia... e uma necessidade louca de um abraço de urso.
De ficar sentada na varanda enrolada num cobertor abraçada a alguém que me ouça, me compreenda, me aconselhe.
Não é TPM. Acho que o que estou sentindo agora pode ser sentido por qualquer pessoa, homem ou mulher, criança ou velho.
Acho que é solidão.
Briguei com o maridon por uma tolice.
Por que será que eu fiz isso? Estou totalmente carente de um abraço, de um bom papo e ao invés de me jogar no braços do meu amor, eu brigo com ele.
Não sei ser triste... logo que esse sentimento e instala eu o troco por agressão, porque ser triste me irrita, me deixa furiosa.
Daí o resto da tarde foi ladeira abaixo...
Eu estava tão desesperada por conversar com alguém que escrevi um e-mail estupido pra um amigo... não estúpido do tipo agressivo, mas do tipo idiota, mesmo. E eu gosto tanto dele, não queria parecer uma menina tonta (certamente é o que parecerei quando ele ler)... me arrependi de ter enviado e agora fico sofrendo sem saber se mando um pedido de desculpas ou se ignoro e finjo que nada aconteceu. E, claro, fico rezando pra ele ignorar também.
Quero um buraco pra me enfiar dentro e só sair de lá quando essa "fase" passar...
Será que dá?

*imagem: Inslee